07 . 04 . 2021

Wiz atesta investimentos na despoluição de trecho do Rio Pinheiros

Parecer técnico indica conformidade da Construtora Allonda na 1ª fase de utilização dos recursos advindos do Desenvolve SP para obras de coleta de esgoto no Jaguaré

07 de Abril de 2021 – A Wiz Soluções (WIZS3), maior gestora de distribuição de seguros e produtos financeiros do Brasil, atesta a conformidade na utilização de R$ 51,2 milhões na 1ª fase das obras estruturais de coleta de esgoto executadas pela Construtora Allonda Ambiental, na bacia do Jaguaré, de acordo com o programa do Governo do Estado de São Paulo para despoluição do Rio Pinheiros. A limpeza de córregos e fossas, escavação de valas a céu aberto, perfuração de subsolo, instalação de tubos cravados e interligações de pontos domiciliares com a rede da Sabesp vão beneficiar diretamente 58,3 mil imóveis na região da Zona Oeste da capital paulista, em um raio de atuação entre o acesso à Rodovia Castello Branco e as imediações da Universidade de São Paulo (USP).  

“A nossa atuação em gestão de risco e acompanhamento de obras é de extrema relevância para as seguradoras, que conseguem evitar um possível sinistro. Elas entendem o que está acontecendo, se os valores são gastos devidamente e assim têm garantias do cumprimento dos contratos. A avaliação técnica é um diferencial para as seguradoras responsáveis pelos seguros que garantem a execução de obras”, explica Leandro Leite, diretor da Wiz BPO. 

A unidade de negócio Wiz BPO montou toda a estrutura de suporte financeiro, técnico e tecnológico – inclusive com software de gestão – para a Allonda no processo de revitalização do Rio Pinheiros. Já a Wiz Corporate fez o desenho técnico da apólice de seguro garantia de conclusão da obra e que contempla o acompanhamento e gestão do risco segurado.  

O laudo de acompanhamento de obras da Wiz BPO foi finalizado após a verificação de diversos documentos e visitas técnicas in loco, em novembro e dezembro do ano passado. Ele atesta que as notas ficais apresentadas, referentes a 57% do valor acordado para o projeto e a execução, vão ao encontro da aplicação da mão de obra e de materiais, utilização de equipamentos, cumprimento do cronograma físico-financeiro e gestão do projeto. 

As obras estão estimadas em R$ 88,5 milhões e o Desenvolve SP financia R$ 70 milhões para que a Allonda conclua os serviços. A 2ª fase das obras está em curso e empresa de engenharia já conta com todo o montante financeiro do banco do Estado. O acordo envolve a Sabesp, que paga por performance, ou seja, somente após o atingimento das metas.  

O seguro garantia de conclusão da obra foi elaborado sob medida e é o primeiro da categoria aceito pela Desenvolve SP. A solução ofertada pela Wiz BPO mitiga os riscos, a partir do controle de um eventual sinistro da apólice. 

“Ficamos muito satisfeitos por fazer parte desse momento relevante de proteção do dinheiro público. O caráter inédito do seguro garantia, junto ao Desenvolve SP, nos dá a certeza da oferta qualificada de serviços que vão além do universo privado, mas que encontra também ressonância no setor público e em ações de sustentabilidade“, comenta Leandro Leite. 

A Wiz BPO atua no pós-venda de seguros e produtos financeiros, backoffice, gestão eletrônica de documentos – GED, cobrança e outsourcing de mão de obra especializada.  Atenta aos movimentos de mercado, a Wiz BPO acompanha as discussões no Congresso Nacional para alteração da Lei 8.666. A expectativa é de que possa haver seguro (facultativo) de até 30% do valor inicial do contrato para infortúnio de grande vulto (mais de R$ 200 milhões). A maior novidade é a cláusula de step in, na qual a seguradora, no inadimplemento da contratada, assume a execução e cumpre integralmente o contrato ajustado. A companhia se estrutura para atender à necessidade mais latente, conforme as normas legais. 

OBRAS DE REVITALIZAÇÃO DO RIO PINHEIROS 

A revitalização do Rio Pinheiros deve beneficiar mais de três milhões de pessoas. O programa estadual é coordenado pela Secretaria de Infraestrutura e Meio Ambiente, com a participação das empresas Companhia Ambiental do Estado de São Paulo – CETESB, Departamento de Águas e Energia Elétrica – DAEE, Empresa Metropolitana de Águas e Energia – EMAE e SABESP, além da Prefeitura de São Paulo. Conta ainda com o apoio do Desenvolve SP e envolve mais de R$ 3,5 bilhões até a finalização dos trabalhos, no ano que vem. 

Empresa de engenharia e construção, a Allonda possui sede em Barueri/SP e desenvolve projetos focados em soluções ambientais. Atualmente conta com 1.000 funcionários no Brasil e América Latina, com atividade em clientes de diferentes indústrias e setores de infraestrutura. 

A Allonda apresentou a melhor proposta em dois dos 16 editais para contratação de obras de saneamento no âmbito do programa de despoluição do rio, para execução nas bacias do Jaguaré e Cordeiro, onde mais de 100 mil imóveis serão ligados à rede coletora de esgoto (58.392 e 45.424, respectivamente). 

O acordo do Governo do Estado de São Paulo com a Allonda, via Desenvolve SP, foi anunciado há seis meses. Os R$ 70 milhões desembolsados são o quarto e maior desembolso do banco de fomento do Estado para a execução de obras do programa atual Novo Rio Pinheiros.  

Para informações à imprensa da Wiz, consulte a In Press Porter Novelli: 

Alessandro da Mata: +55 11 4871-1499 / alessandro.damata@inpresspni.com.br  

Rodrigo Garcia: +55 11 3323-1557 / rodrigo.garcia@inpresspni.com.br