12 . 04 . 2022

Summit ABRAINC 2022: entrevista com Rafael Arcanjo, diretor de Real Estate da Wiz Corporate

Publicado por Abrinc em 11/04/2022

Em entrevista exclusiva, o executivo falou sobre projetos e soluções para mitigação de riscos, além de inovações para mais sustentabilidade para o setor da construção civil

Rafael Arcanjo, diretor de Real Estate da Wiz Corporate, patrocinadora do Summit 2022, fala sobre a disponibilidade de produtos financeiros e oferta de crédito para aquisição de imóveis, implantação de sistemas de proteção contra ataques hacker e segurança da informação para a incorporação imobiliária, e soluções tecnológicas para a continuidade dos projetos e mitigação de riscos para o setor.

Confira a entrevista na íntegra:

A Wiz atua na gestão de produtos financeiros e operações de seguros voltados para o desenvolvimento de diferentes segmentos de mercado, dentre eles, o imobiliário. Como a parceria banco e companhia de seguros pode contribuir para expandir as soluções e tornar mais fluida a experiência de aquisição dos serviços pelos clientes?

O mercado imobiliário, principalmente no que tange a construção de unidades habitacionais, é um negócio de médio e longo prazo, que necessita de alto investimento e, devido às várias etapas e tempo envolvido, desde a concepção do projeto até sua entrega – e posterior garantia, incorre em vários riscos. A Wiz Corporate, como especialista nesse mercado, é pioneira na criação de soluções que visam mitigar os riscos inerentes ao setor, bem como produtos e serviços indutores de novos negócios.

Nessa esteira, podemos salientar o Seguro de Término de Obra, que garante a entrega da obra, trazendo solidez e credibilidade ao mercado, bem como os Seguros de Risco de Engenharia e Seguros de Danos Estruturais, que mitigam possíveis danos provenientes da execução dos empreendimentos, deixando os construtores amparados em momentos de sinistros.

Já os Seguros de Garantia de Permuta e Financeiras, possibilitam aquisições de terrenos e viabilizam empreendimentos, induzindo novos negócios que, sem a garantia ao vendedor do terreno poderiam não se viabilizar. Além dos produtos e serviços desenhados e pensados para o segmento, buscamos sempre aprimorar a jornada do cliente, com gerentes especializados em todas as regiões do Brasil, e soluções tecnológicas, visando agilidade e assertividade. Além das soluções voltadas a mitigação dos riscos, a Wiz tem desenvolvido e firmado parcerias para soluções de crédito, como capital de giro e antecipação de recebíveis.

Com a decorrência do conflito entre Rússia e Ucrânia, a economia brasileira está sendo afetada, o que se reflete dentre outros fatores, na alta dos insumos para a construção civil. Como a oferta de crédito pode contribuir para diminuir os riscos e atender as necessidades das incorporadoras imobiliárias?

Diante do mundo globalizado em que vivemos, e frente a interligação dos mercados, sejam internos ou externos, qualquer grande fato, como a pandemia de COVID-19 e agora, mais recentemente, a guerra entre a Rússia e Ucrânia, interfere em todos os segmentos, o que não é diferente no setor da construção civil. Os reflexos são diretos, quando vemos os preços dos insumos, e indiretos, quando vemos o aumento da inflação, diminuindo o poder de compra da população, interferindo em sua capacidade de endividamento, influenciando na possibilidade de aquisição de moradia. Sem sombra de dúvida, o crédito pode contribuir positivamente nesse quadro, tanto na oferta, quanto nas condições de prazos, taxas e carências. Temos visto que o mercado creditício brasileiro, principalmente o mercado que atende ao segmento de construção civil, tem se colocado consciente com o momento, apresentando soluções que viabilizam que os projetos continuem e as unidades sejam entregues. Outro ponto fundamental é a busca de oferta de financiamento a preços possíveis, que viabilizem a aquisição da unidade pelo consumidor final.

Olhando para o mercado imobiliário, quais são os seguros existentes no financiamento habitacional e a relevância deles ao consumidor final?

O mercado imobiliário é um mercado bastante importante à economia brasileira, tanto no crescimento do PIB, quanto na criação de emprego e renda. Devido sua importância, é também um mercado bastante regulado, inclusive no que tange a seguros. Soluções como os seguros de MIP – Morte e Invalidez Permanente e DFI – Danos Físicos do Imóvel são exigidos por lei em todos os financiamentos imobiliários, além de Seguros como o de Garantia de Término de Obras e Garantia Pós Entrega, exigidos para construção de empreendimentos vinculados ao Programa Casa Verde Amarela. Todos esses seguros visam a proteção do consumidor final, seja em relação a sinistros ocorridos com a pessoa que adquiriu um financiamento habitacional, seja em relação a construção, defeitos ou entrega de imóveis em construção. Vale ressaltar que uma gama de seguros bem feitos, e com coberturas bem discutidas, não só tem relevância ao consumidor final, como também, é relevante a todos os atores desse segmento, como as construtoras, incorporadoras e agentes financeiros. A mitigação de riscos, através da contratação de seguros, é fundamental para diminuir prejuízos inesperados, com sinistros que podem ocorrer nas várias etapas do ciclo da construção civil.

O Brasil sofreu mais de 88,5 bilhões de tentativas de ataques cibernéticos em 2021; é o segundo país mais visado na América Latina, com crescimento dos ataques em mais de dez vezes em comparação com 2020, segundo a Fortinet, líder global em soluções amplas, integradas e automatizadas de segurança cibernética. A construção civil é um possível alvo? Como as empresas do setor podem se prevenir contra isso?

Infelizmente temos visto nos últimos tempos uma mudança das “mentes” infratoras voltadas a crimes cibernéticos, o que não exclui como alvos às empresas de construção civil, que devem se proteger desses ataques que causam muito transtorno e prejuízo. O setor deve se prevenir através das práticas se segurança da informação como: treinamento de conscientização de segurança da informação para todos os colaboradores e terceiros que acessam a rede da companhia; criação e implantação de políticas de segurança da informação; restringir acesso a sites suspeitos e não categorizados; implantação de um antimalware capaz de detectar ataques mais sofisticados, como o ransomware; implantação de uma ferramenta antispam; habilitação de um segundo fator de autenticação (MFA) para acessos remotos e a sistemas críticos; conceder os acessos de acordo com a regra de menor privilégio, entre outras medidas

Porém, mesmo com todo esse rol de precauções, nenhuma empresa estará 100% segura de um ataque cibernético, e nesse momento, mais uma vez, podemos ver que a contratação de uma apólice de seguro cibernético se faz necessária, pois caso o ataque ocorra, o seguro irá apoiar a empresas com todos os custos para restaurar o ambiente, encargos jurídicos, multas e penalidades referentes a LGPD, entre outras coberturas

Quais são os próximos passos da Wiz para promover mais eficiência para a cadeia produtiva da construção?

Como falamos até aqui, o setor de seguros e de construção civil estão há muito tempo unidos, com o propósito de mitigar riscos e induzir novos negócios. Pensando nisso, e frente a solidez e histórico da Wiz Corporate no atendimento a todos os atores da Construção Civil, nossa empresa tem a cada dia promovido novas formas de atendimento, buscando a melhoria da jornada de seus clientes. Vale destacar nossa plataforma Corporate Solutions, que foi construída no conceito “one stop shop” para a gestão de seguros e contratação de crédito. Dessa forma, ampliamos e fortalecemos o relacionamento com nossos clientes da construção civil.

Nesta plataforma, é possível contratar Seguros de Garantia, Recursal, BID/Performance, trabalhista, cível e fiscal  de forma online, rápida e intuitiva, garantimos “saving” de recursos financeiros, que podem ser destinados para o financiamento de outros projetos. Há também o Corporate Habitação, um portal totalmente voltado para a construção civil que reúne informações sobre seguros e soluções de crédito, análises de especialistas, tendências e notícias sobre o setor. Também não podemos deixar de citar nossa capilaridade, com gerentes especializados que atendem de forma personalizada e pessoal todos os estados do Brasil.