16 . 03 . 2018

Nunca desperdice uma boa crise

Sou formada em Administração de Empresas e o meu trabalho sempre foi direcionado para área de orçamento, com foco no controle do que orçamos versus do que gastamos. Por aqui, nada de gastar sem orçamento. Ou quase isso…rsrs. Acredito que é daí que vem a frase: trabalhar com emoção. Embora a matemática diga que 1+1=2, se virar nos 30 e apertar um pouco daqui, um pouco dali para atender as demandas faz parte do meu dia a dia. Realizar mais com menos, não é mesmo? Qualidade? Essa não pode faltar!

Ingressei no mercado como estagiária em uma multinacional, no setor de Telecom, na área de Relacionamento Institucional. Nesta área eu compunha a Gerência Orçamentária. A minha área era predominantemente masculina. O time de gestão e controle do orçamento era formado por mim e minha gestora. E a parte do Relacionamento era formada, em sua maioria, por homens. Embora houvesse um certo desequilíbrio entre os gêneros, acredito que o nosso espaço é muito bem representado no mercado.

Estamos onde queremos estar e não temos medo de desafios.

Após 13 anos nesta empresa, chegou o momento de novos ares e desafios. E que desafios! No dia anterior ao meu desligamento, recebi a notícia de que a minha mãe estava com câncer na tireoide. Neste momento, eu e minha família tivemos que juntar os pedacinhos e fazer o impossível para encontrar uma solução rápida e eficiente para ajudar a minha mãe. Lembro que eu estava muito triste, chorando no quarto, quando a minha mãe chegou para me consolar, dizendo para eu não ficar triste, pois o que vem de Deus deve ser bem-vindo. Fiquei me perguntando como ela conseguia ser tão forte perante a uma notícia dessa! No final desta mesma semana, eu comemoraria o meu aniversário e ela não me deixou cancelar a festa. Fez questão de continuar organizando cada detalhe e no dia da festa era uma das mais animadas. A figura que tenho da mulher é essa, a que faz o que tem que ser feito, enfrenta o que tem que ser enfrentado, sabendo que vai chegar lá e que vai dar certo!

Família comemorando meu aniversário

Passada essa semana bem atribulada, começamos a fazer os exames e entender qual seria o tratamento ideal para ela. Eu já não estava mais trabalhando e tinha todo o tempo do mundo para acompanhá-la nas consultas, exames e viagens. Em paralelo a essa rotina, eu precisei me recompor. Vida que segue, não é mesmo? Comecei a fazer alguns cursos que eu julgava importante para aperfeiçoar o meu conhecimento na área orçamentária e gestão.

Na minha visão, ficar parada era um retrocesso.

O período do tratamento da minha mãe e o do desemprego duraram exatamente 1 ano! A minha mãe chegou a fazer duas cirurgias e após dois meses da última cirurgia, eu recebi uma proposta de trabalho na Wiz. No processo seletivo, a minha mãe estava ali vibrando por cada etapa vencida. Ela sabia quão importante era para mim. Recomeços são sempre desafiadores e exigem capacidade de resiliência, foco e determinação. Contribuem de forma singular para o nosso crescimento pessoal e profissional. Deus desenhou a minha linha do tempo perfeitamente! Saí da antiga empresa, tive tempo para acompanhar a minha mãe em todo tratamento e após a cirurgia de sucesso, eu entrei novamente no mercado de trabalho.

Há 8 meses faço parte do Time da Wiz! Foi um presente no momento certo! Faço parte da área de Tecnologia e uma das minhas funções é a Gestão do Orçamento.

Não sou do ramo tecnológico, porém acredito que estamos em um momento de mudança e multifuncionalidade, por isso, penso que transformar é uma capacidade e não uma condição momentânea.

Para isso, é preciso paixão pela transformação, e eu estou aberta para me transformar, afinal, sou beta, então por que não aceitar esse desafio? Sou feliz com o meu trabalho, com o relacionamento que construo com os meus colegas. O aprendizado é constante e a troca de experiência é diária.

Mesmo em uma área predominantemente masculina, eu, pelo menos até o momento, não me sinto desvalorizada por ser mulher. Acho que aqui na Wiz nem há espaço para isso.

Um dos momentos leves que a Wiz me proporciona

Hoje estou em um momento profissional feliz! Certa vez ouvi uma frase muito bacana que levo comigo: “Nunca desperdice uma grande crise”. Esse é o meu sentimento.

Na crise, continuei fazendo o meu dever de casa e encontrei a Wiz. Hoje, acredito que estou para a Wiz assim como a Wiz está para mim. Os Wizzers entenderão! 😊

Nura Majzoub , Analista de Governança