26 . 06 . 2019

A Wiz é pra mim

Se clichês forem permitido, queria começar com “Sabemos que o mundo vem mudando muito rápido”. Esse clichê vem acompanhado da necessidade de adaptações no mundo do trabalho. A principal delas é o maior foco nos colaboradores, o entendimento de que eles são clientes internos e que precisamos proporcionar uma boa experiência no trabalho para ter as melhores pessoas. Ou seja, a empresa é um produto, que o colaborador consome como cliente. E aí surge a pergunta: mas qual é a proposta de valor desse produto?

Foi por aí que começamos a discutir a ideia do EVP, Employee Value Proposition, e concluímos que a Wiz precisava ter uma proposta clara de EVP para seus colaboradores.

EVP quer dizer Employee Value Proposition, mas na prática mesmo é tudo de valor que a empresa oferece para seus colaboradores em retorno por sua contribuição e performance. Ele poderia ser visto como um contrato em que a empresa deixa claro o que ela pode oferecer de valor e o colaborador “assina” se estiver alinhado às suas expectativas. Ou seja, os dois lados fazem concessões.

Foi com isso em mente que começamos a “construir” nosso EVP. Coletamos informações de diversas fontes, como pessoas de diferentes unidades de negócio, pesquisas aplicadas internamente, jornadas mapeadas, sites externos com avaliações da Wiz e, é claro, nossa plataforma de marca (propósito, visão, missão, valores e atitudes). A partir dessas informações tivemos um workshop dedicado à construção do EVP em si. Nesse workshop apresentamos os dados coletados e usamos algumas ferramentas, como o Value Proposition Canvas para chegar à primeira proposta do EVP. Essa proposta foi, mais tarde, validada com nossos diretores executivos e pequenos ajustes foram feitos.

Unimos pessoas diferentes para se desenvolverem e alcançarem resultados incríveis, pode vir o desafio que vier. Pessoas talentosas merecem voar altoA Wiz é para você?

Para explicar um pouco mais os pontos da nossa cultura, valores e propósito que buscamos retratar com o nosso EVP, trouxemos essa explicação do nosso CEO, Heverton Peixoto:

1. “Unir pessoas diferentes”: mostramos a força da diversidade, a importância da conexão e nossa batalha para desmanchar silos na Wiz;

2. “Desenvolver”: é o nosso propósito, é nossa razão de investir tanto em pessoas;

3. “Alcançar resultados”: reforça que nossa visão é de uma Wiz focada em resultados, que só acreditamos no que fazemos se for aliado à efetividade e entrega;

4. “Pode vir o desafio”: mostra que os Wizzers não têm medo de desafio, que nos adaptamos, que somos BETA! Resiliência é com a Wiz;

5. “Merecem voar alto”: queremos e sonhamos com uma Wiz que reconhece seu time, que dá oportunidade e que defende a meritocracia. Quer crescer, faça! Atitude!

EVP criado, seguimos para a próxima etapa: é muito importante comunicar e aplicar cada vez mais o EVP no dia a dia dos colaboradores. Assim, a Wiz iniciou uma campanha de comunicação buscando difundir nossa proposta de valor para os principais interessados, os Wizzers. Em uma das comunicações, incentivamos os colaboradores a contarem se a proposta de valor era aderente à experiência deles com a Wiz, trazendo uma história que vivenciaram na empresa e que estivesse relacionada ao nosso EVP. Uma dessas histórias é do Júlio Cardoso:

“Minha trajetória dentro da Wiz prova que aqui a proposta de valor não fica somente no papel:

Fui contratado como Assistente de Seguros em 2015 na área de operações da Corporate, formado em Gestão de RH, pouca experiência em seguros e nenhum conhecimento sobre o pacote office.

Um ano e oito meses depois fui promovido para Técnico de Seguros. A essa altura com domínio do pacote office e amplo conhecimento em seguros.

Nove meses depois passei num processo seletivo para Analista Financeiro mesmo sem nenhum conhecimento ou experiência em área financeira. Como analista, adquiri conhecimento sobre projetos, metodologias ágeis, receita, elaboração de reports e análises financeiras dentre muitas outras coisas.

Após um ano como Analista Financeiro recebi uma proposta para retornar para a área de operações, onde inicialmente na Wiz, como assistente, agora para supervisionar uma equipe de onze pessoas.

Sou muito grato por ter me desenvolvido dentro da Wiz e agora ter a missão de dar continuidade a esse ciclo de desenvolver nossos talentos e transformá-los em futuros líderes dentro da companhia.

Por tudo que vivi dentro da Wiz, até o momento, posso afirmar que aqui nós unimos pessoas diferentes, desenvolvemos pessoas, entregamos resultados incríveis, não temos medo de NENHUM desafio e por fim, voamos alto!”

Júlio Cardoso — Supervisor de Operações na Wiz Corporate

Agora entramos na etapa de fortalecer nosso EVP, tornando ele ainda mais presente nas experiências dos Wizzers com a Wiz. Queremos que todos vivenciem oportunidades: de conexão e diversidade, desenvolvimento, contribuição nos resultados, desafios e reconhecimento!

Isabel Gomes — Product Owner na Squad Jornada — Diretoria de Gente & Gestão